segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Acidente na passagem de nivel de Riomaior - Regadas

A manhã deste domingo ficou marcada por mais um acidente numa das passagens de nível sem guarda da Linha do Vouga. Por volta das 10 da manhã, na passagem de nível de Riomaior - Regadas em Paços de Brandão, um carro foi abalroado pelo comboio quando se preparava para atravessar, no sentido Paços - Mozelos . O automobilista talvez devido à falta de visibilidade no local, não se terá apercebido da aproximação da composição dos caminhos de ferro, sendo o embate inevitável. Apesar dos danos que se podem verificar na viatura, o condutor sofreu apenas alguns ferimentos ligeiros. Contudo, não deve ter ganho para o susto!
Enquanto a CP não conclui os trabalhos de instalação de passagens de nível automáticas, que se arrastam sem fim à vista, os acidentes multiplicam-se! Desta vez, felizmente sem causar vítimas mortais. Porém, persiste a velha questão que todos queremos saber a resposta: Afinal quando é que as cancelas automáticas são postas a funcionar?
No Engenho começamos a acreditar que neste caso, só se vão fazer as obras finais quando por lá morrer alguém importante! Lamentavelmente costuma ser sempre assim: "casa roubada trancas à porta!"
Era também importante que a Junta de Freguesia fizesse aqui um pouco mais que o que tem feito nos últimos anos, que se resume a um redondo "nada". As passagens de nível são uma verdade que são da responsabilidade da CP. Porém, neste particular a Junta podia mostrar mais "obra". Nomeadamente começar por pressionar as entidades responsáveis pelas obras para a necessidade que estas sejam concluídas, e dar conhecimento aos Brandoenses do que se passa, e não se refugiarem nos constantes "não sei de nada, mas vou saber" que utilizam nas assembleias de freguesia quando confrontados com esta problemática! Por outro lado, e no caso de Paços de Brandão em particular, todas as passagens de nível estão cheias de buracos, e isso pode significar perigos acrescidos quando se hesita ao atravessar! Se este problema fosse resolvido, e acreditamos que a Junta o possa fazer, seria um contributo simples mas importante, para minimizar um pouco que seja, o risco de atravessar a linha! Em Rio Meão fizeram isso recentemente. Porque não o fazem em Paços de Brandão?

Sem comentários:

Publicar um comentário